Como eliminar o torcicolo com Quiropraxia – Alphaville e Vila Leopoldina – SP
907
post-template-default,single,single-post,postid-907,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-13.5,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.5,vc_responsive
 

Como eliminar o torcicolo com Quiropraxia

Como eliminar o torcicolo com Quiropraxia

Como eliminar o torcicolo com QuiropraxiaSem dúvida você já passou por algum incômodo no pescoço, sem sequer conseguir olhar para o lado por sentir a articulação “travada”. Este incômodo pode estar associado a diversos fatores, indo além de uma noite mal dormida, visto que os músculos da região podem estar tensionados também por uma resposta do organismo contra uma patologia que ainda não se desenvolveu completamente.

Além do mais, a dor causada pelo torcicolo pode se irradiar para outras partes, como na região da coluna cervical e os ombros.

Causas mais comuns de torcicolo

Estresse e ansiedade

O estresse é uma condição comum e pode se desenvolver de diversas formas sobre o corpo, uma delas é o torcicolo. A alteração emocional causada leva ao tensionamento muscular pois o corpo entende que o cérebro está em constante situação de perigo, e a tensão muscular atua como uma defesa, deixando a pessoa em alerta frequentemente.

Postura incorreta

A má postura é um hábito que pode ser prejudicial para mais de uma área da coluna como a região cervical e lombar. Ficar muito tempo sentado com a postura errada pode desencadear quadros dolorosos por toda a estrutura, visto que as vértebras são mais sobrecarregadas e acabam lesando os nervos intervertebrais que compõe toda a coluna, causando dores.

Movimentos bruscos

Especialmente durante exercícios de grande intensidade, movimentamos todas as áreas do corpo para nos habituarmos com uma determinada modalidade. O torcicolo, nestes casos, pode acontecer por conta de um movimento brusco que causou um estresse na musculatura ou uma leve torção nos nervos intervertebrais.

Como a Quiropraxia auxilia na melhora do torcicolo?

Como eliminar o torcicolo com QuiropraxiaO foco da Quiropraxia é auxiliar no tratamento de problemas que afligem a coluna vertebral. No caso do torcicolo, a técnica promove ajustes na região cervical, harmonizando as vértebras e seus nervos que possibilitam a realização de movimentos com o pescoço.

Apesar de os ajustes gerarem diversos estalos, a sensação de alívio pode ser notada logo após as sessões, visto que a comunicação neural está sendo restaurada por meio da descompressão dos nervos intervertebrais e muscular.

Se você sofre com problemas de torcicolo, agende já uma consulta com um quiropraxista. Além de auxiliar na melhora deste quadro, a Quiropraxia promove uma melhor qualidade de vida e bem-estar para quem se submete às sessões regularmente.



C1

Áreas e Partes do Corpo Afetadas

Fornecimento de sangue para a cabeça, glândula pituitária, couro cabeludo, ossos da face, cérebro, ouvido interno e médio, sistema nervoso simpático.

Possíveis Sintomas

Dores de cabeça, nervosismo, insônia, resfriados, pressão arterial alta, enxaqueca, tensão nervosa, amnésia, cansaço crônico, tonturas.

C2

Áreas e partes do corpo afetadas

Olhos, nervos ópticos, nervos auditivos, seios da face, ossos mastoides, língua, testa.

Possíveis Sintomas

Problemas nos seios da face, alergias, dores ao redor dos olhos, dor de ouvido, desmaios, certos casos de cegueira, estrabismo, surdez.

C3

Áreas e partes do corpo afetadas

Bochechas, ouvido externo, ossos da face, dentes, nervos facial.

Possíveis Sintomas

Neuralgia, neurite, acne ou espinhas, eczema.

C4

Áreas e partes do corpo afetadas

Tuba auditiva, nariz, lábios, boca.

Possíveis Sintomas

Rinite alérgica, coriza, perda auditiva, adenoides.

C5

Áreas e partes do corpo afetadas

Cordas vocais, glândulas do pescoço, faringe.

Possíveis Sintomas

Laringite, rouquidão, dor de garganta ou angina.

C6

Áreas e partes do corpo afetadas

Músculo do pescoço, ombros, amígdalas.

Possíveis Sintomas

Torcicolo, dor no braço, amigdalite, tosse crônica.

C7

Áreas e partes do corpo afetadas

Glândula tireóide, bursas nos ombros, cotovelos.

Possíveis Sintomas

Bursite, resfriados, condições da tireóide.

T1

Áreas e partes do corpo afetadas

Braços do cotovelo para baixo, incluindo mãos, pulsos e dedos, esôfago e traqueia.

Possíveis Sintomas

Asma, tosse, dificuldade respiratória, falta de ar, dor na parte inferior do braço e mãos.

T2

Áreas e partes do corpo afetadas

Coração, incluindo as suas válvulas e artérias coronárias.

Possíveis Sintomas

Alterações das funções cardíacas.

T3

Áreas e partes do corpo afetadas

Pulmões, brônquios, pleura, tórax, peitoral.

Possíveis Sintomas

Bronquite, pleurisia, pneumonia, congestão nasal, gripe.

T4

Áreas e partes do corpo afetadas

Vesícula biliar, e ducto comum.

Possíveis Sintomas

Condições da vesícula biliar, icterícia, pedras na vesícula.

T5

Áreas e partes do corpo afetadas

Fígado, plexo solar, circulações (geral).

Possíveis Sintomas

Condições do fígado, febres, problemas de pressão arterial, má circulação, artrite.

T6

Áreas e partes do corpo afetadas

Estômago.

Possíveis Sintomas

Problemas estomacais, indigestão, azia, dispepsia.

T7

Áreas e partes do corpo afetadas

Duodeno e pâncreas.

Possíveis Sintomas

Úlceras e gastrites.

T8

Áreas e partes do corpo afetadas

Baço e diafragma.

Possíveis Sintomas

Soluços e baixa resistência.

T9

Áreas e partes do corpo afetadas

Glândulas adrenal e suprarenal.

Possíveis Sintomas

Alergias e urticárias.

T10

Áreas e partes do corpo afetadas

Rins.

Possíveis Sintomas

Problemas renais, endurecimento das artérias, cansaço crônico, nefrite, pielites.

T11

Áreas e partes do corpo afetadas

Rins e ureteres.

Possíveis Sintomas

Condições de pele como acne, espinhas, furúnculos, eczema.

T12

Áreas e partes do corpo afetadas

Intestino delgado e circulação linfática.

Possíveis Sintomas

Reumatismo, acúmulo de gases, alguns tipos de esterilidade.

L1

Áreas e partes do corpo afetadas

Intestino grosso, anéis inguinais.

Possíveis Sintomas

Constipação, colites, disenteria, diarréia, algumas rupturas ou hérnias.

L2

Áreas e partes do corpo afetadas

Apêndice, abdômen, coxa.

Possíveis Sintomas

Câimbras, dificuldade para respirar, acidose, veias varicosas.

L3

Áreas e partes do corpo afetadas

Órgãos sexuais, útero, bexiga, joelhos.

Possíveis Sintomas

Problemas vesiculais e menstruais, como dor ou períodos irregulares, corrimento, impotência, problemas na bexiga, dores nos joelhos.

L4

Áreas e partes do corpo afetadas

Próstata, os músculos de região lombar, nervo ciático.

Possíveis Sintomas

A dor ciática, lumbago, dificuldade de micção, dor ou muito frequente, dores nas costas.

L5

Áreas e partes do corpo afetadas

Pernas, tornozelos, pés.

Possíveis Sintomas

A má circulação nas pernas, tornozelos inchados, tornozelos e arcos fracos, pés frios, fraqueza nas pernas, câimbras nas pernas.

Sacro

Áreas e partes do corpo afetadas

Ossos do quadril, nádegas.

Possíveis Sintomas

Condições sacroilíacas, curvaturas da coluna vertebral.

WhatsApp chat